Vivência no exterior e as vantagens para o tradutor

O trabalho do tradutor vai muito além de trazer para o idioma desejado o significado literal daquilo que está sendo dito em idiomas estrangeiros. Traduzir só com base no dicionário e na gramática ao pé da letra é desconsiderar a linguagem do dia a dia, a cultura de um povo e os coloquialismos na fala de diferentes regiões do mesmo país.

Tecnicamente, um tradutor que nunca morou fora do país é capaz de executar a tradução de obras como livros e filmes de forma correta, exata. Porém, ter passado pela experiência de uma vivência no exterior permite que ele compreenda e adapte a linguagem utilizada para os termos equivalentes que usamos no Português, no caso de gírias, expressões idiomáticas e dialetos
regionais.

Quem está acostumado a ver filmes e séries nos serviços de streaming já consegue identificar, por exemplo, que o Inglês usado nos Estados Unidos é diferente daquele usado na Inglaterra. O mesmo Inglês é usado também na Irlanda e no País de Gales, mas estes lugares têm seus próprios dialetos e muitas vezes tanto a linguagem quanto o sotaque tornam a experiência do interlocutor ou do espectador quase impossível de compreender. Ou seja, mesmo o mais universal dos idiomas tem suas particularidades e tê-las em mente é fundamental para que o tradutor capte a essência daquela obra em questão.

Quem não pode atualmente nem teve a oportunidade de ter essa experiência fora do país antes da pandemia pode se atualizar justamente através de pesquisa, filmes, livros, artigos, blogs e canais do YouTube que sejam feitos no seu idioma de trabalho. Seja no Inglês, no Italiano, no Espanhol ou em qualquer outra língua, há hoje um vasto campo de conhecimento disponível a apenas uns cliques de distância: o bom tradutor nunca para de estudar nem de se atualizar, assim como os costumes e a sua influência na comunicação falada e escrita estão sempre em constante transformação.

Quer acompanhar as novidades do nosso blog? Cadastre-se em nossa Newsletter.

Sabe a diferença entre o trabalho dos professores de idiomas e dos tradutores? Dê uma olhada nesse artigo.